Principal opositor contesta vitória de Gnassingbé nas eleições do Togo

O principal candidato da oposição nas eleições presidenciais togolesas de 4 de março, Jean-Pierre Fabre, contestou neste domingo a suposta vitória do atual presidente Faure Gnassingbé, e afirmou ter vencido com entre 55 e 60% dos votos.

AFP |

"Refuto absolutamente os dados divulgados, já que o procedimento utilizado pela CENI (Comissão Eleitoral Nacional Independente) é ilegal", declarou Fabre à imprensa.

Segundo dados oficiais, o atual presidente Faure Gnassingbé foi reeleito com 60,92% dos votos, contra 33,94% para Fabre.

"Vamos multiplicar as manifestações, não vamos permitir isto. Nunca quis usar de violência, mas, se me roubarem, não desistirei", advertiu Fabre diante de dezenas de jovens militantes.

Leia mais sobre o Togo

    Leia tudo sobre: togo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG