Primo de Uribe é detido após ter pedido de asilo negado

Bogotá, 22 abr (EFE).- As autoridades da Colômbia detiveram hoje em Bogotá o ex-senador Mario Uribe Escobar, primo do presidente Álvaro Uribe e acusado de manter vínculos com paramilitares.

EFE |

A detenção aconteceu depois que o ex-congressista teve um pedido de asilo político considerado "improcedente" pela embaixada da Costa Rica.

Uribe Escobar foi tirado de um carro blindado da embaixada costa-riquenha e levado para instalações da Procuradoria Geral. EFE gta/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG