Primeiro-ministro renuncia antes de formar o governo

O primeiro-ministro designado da Romênia, Theodor Stolojan, anunciou nesta segunda-feira a renúncia ao mandato, apenas cinco dias depois de ter sido encarregado pelo presidente Traian Basescu de formar o governo depois das eleições legislativas de 30 de novembro.

AFP |

"Decidi entregar meu mandato de primeiro-ministro designado ao presidente Traian Basescu", disse Stolojan.

"O presidente Basescu decidirá a quem confiará este mandato", acrescentou, sem explicar os motivos de sua decisão.

No domingo, o Partido Democrata Liberal (PDL), no qual Stolojan ocupa o cargo de vice-presidente, e o Partido Social-Democrata (PSD) concluíram um acordo sobre a formação de um governo de coalizão.

"Na minha opinião, os presidentes dos dois partidos políticos que assinaram este acordo devem assumir esta associação ocupando os postos de primeiro-ministro e de presidente do Senado", afirmou Stolojan.

"Com meu gesto quero dar esperanças à jovem geração de políticos, que pode chegar assim aos maiores cargos do Estado".

Stolojan, um economista respeitado de 65 anos, já havia surpreendido a opinião pública em 2004, ao abandonar no último momento a disputa pela presidência, antes de ser substituído por Traian Basescu.

De acordo com a agência Mediafax, logo depois do anúncio o presidente convocou ao Palácio de Cotroceni os líderes dos quatro partidos políticos representados no Parlamento.

mr/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG