Salam Fayyad teve de ser hospitalizado às pressas quando passou mal durante formatura de filho em Austin, no Texas

O primeiro-ministro palestino, Salam Fayyad, sofreu um ataque cardíaco enquanto visitava os Estados Unidos e teve de ser hospitalizado às pressas.

Fayyad foi transferido para o Centro Médico de Seton em Austin, nos Estados Unidos, depois de ter se queixado de "fortes dores no peito", indicou seu gabinete em Ramallah em um comunicado.

Ele foi submetido nesta segunda-feira a um cateterismo cardíaco que revelou que "a artéria coronária estava entupida". "Um stent foi colocado para mantê-la aberta", acrescentou o comunicado.

De acordo com o porta-voz do Seton Medical Center, o estado do premiê palestino é bom.
Fayyad, um ex-economista do Banco Mundial respeitado internacionalmente e nascido em 1952, participava da formatura universitária de seu filho em Austin quando "sentiu uma forte dor" no domingo.

Primeiro-ministro da Autoridade Nacional Palestina do partido laico Fatah, Fayyad tem duturo incerto como primeiro-ministro, depois do acordo de reconciliação neste mês entre o Fatah, que governa a Cisjordânia, e o grupo islâmico Hamas, que controla a Faixa de Gaza.

Fayyad passou mal durante compromisso particular nos EUA (foto de arquivo)
AFP
Fayyad passou mal durante compromisso particular nos EUA (foto de arquivo)

*Com Reuters e AFP

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.