Primeiro-ministro israelense reitera condições para cessar-fogo em Gaza

O premiê israelense, Ehud Olmert, reiterou nesta terça-feira suas duas condições para um cessar-fogo na Faixa de Gaza: o fim do terrorismo e do contrabando de armas do Egito para o território palestino.

AFP |

"Que parem com os atos de terrorismo e com o contrabando de armas do Sinai egípcio para Gaza, e então os combates israelenses serão interrompidos", disse Olmert, durante uma visita relâmpago a Sderot, cidade do sul israelense constantemente atingida pelos foguetes do Hamas.

"Todos os atos de terrorismo devem acabar. Não debe haver mais contrabando de armamento para Gaza, para impedir que as organizações de assassinos tenham a chance de disparar", insistiu o primeiro-ministro de Israel, enquanto a diplomacia internacional tenta a todo custo convencer os israelenses a encerrar sua ofensiva em Gaza.

Olmert já havia proferido palavras semelhantes na segunda-feira, em seu encontro com o presidente francês, Nicolas Sarkozy, que visitou Jerusalém como parte de uma missão de paz na região.

jp/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG