Primeiro-ministro do Japão convocará eleições gerais

Tóquio - O primeiro-ministro japonês, Taro Aso, dissolverá a Câmara Baixa no dia 21 de julho para convocar eleições gerais para 30 de agosto, informou hoje a agência local Kyodo.

EFE |

A decisão de Aso acontece pouco depois de o governamental Partido Liberal-Democrata (PLD) ter perdido as eleições locais para a Assembleia de Tóquio, onde o opositor Partido Democrático (PD) é agora o majoritário, segundo os resultados publicados hoje.

Segundo o jornal "Sankei", a campanha eleitoral começará no dia 18 de agosto, segundo as informações divulgadas após a reunião de urgência de um comitê do PLD.

Leia mais sobre: Japão

    Leia tudo sobre: eleiçõesjapãoprimeiro-ministro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG