Dublin, 9 jan (EFE).- O primeiro-ministro da Irlanda do Norte, Peter Robinson, anunciou hoje que deixará temporariamente o cargo enquanto é investigado o escândalo sobre os fundos públicos que sua esposa Iris entregou para um ex-amante administrar.

Robinson disse que o afastamento será por seis semanas e designou a ministra de Empresas, Arlene Foster, como sua interina. EFE ja/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.