Primeiro-ministro da Caxemira indiana renuncia após perder apoio

Nova Délhi, 7 jul (EFE).- O primeiro-ministro da Caxemira indiana, Ghulam Nabi Azad, anunciou hoje sua renúncia, após perder o apoio da maioria parlamentar em virtude dos distúrbios religiosos registrados na região nos últimos dias.

EFE |

Azad pretendia se somar a um movimento de confiança no Parlamento regional, mas optou por pronunciar um discurso no qual listou suas conquistas durante os 43 meses no Governo de coalizão e anunciar sua renúncia.

"Vou ao Palácio Regional para apresentar minha renúncia ao governador", disse Azad aos jornalistas.

Azad chegou ao Governo da Caxemira (no norte da Índia) em novembro de 2005, graças a um acordo de coalizão entre sua legenda (o Partido do Congresso) e o Partido Popular Democrático (PDP).

O PDP, que tem 17 deputados no Parlamento regional, retirou seu apoio a Azad por diferenças em relação à atribuição de terrenos florestais a um organismo que promove peregrinações hindus na Caxemira.

Nos últimos dez dias ocorreram vários protestos violentos no vale da Caxemira protagonizados pela maioria muçulmana da área, que se opunha à transferência de 40 hectares de terreno florestal ao organismo encarregado pela peregrinação anual ao santuário hindu de Amarnath.

O Governo regional cedeu à pressão, desistiu de sua intenção de transferir as terras e solicitou ao Governo central indiano que se ocupasse da gestão da peregrinação de Amarnath, da qual participam milhares de hindus a cada ano.

Mas essa última decisão das autoridades locais provocou o descontentamento da população hindu, que tomou as ruas para protestar, causando distúrbios que deixaram mais de 200 feridos.

A caverna de Amarnath é um popular destino dos peregrinos, pois, segundo a tradição hindu, o deus Shiva revelou lá o segredo de imortalidade à sua esposa Parvati.

A lenda deu lugar à crença de que quem peregrina até o local obtém a "moksa" (libertação). EFE daa/fh/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG