Primeiro transplante de língua e mandíbula é feito na Espanha

MADRI (Reuters) - Médicos espanhóis completaram na terça-feira o primeiro transplante de língua e mandíbula do mundo, anunciou nesta sexta-feira o cirurgião Pedro Cavadas. O paciente de 43 anos, que perdeu a metade inferior do rosto durante o tratamento contra um tumor maligno há 11 anos, está se recuperando bem e pode receber alta em 10 dias, disse Cavadas em entrevista coletiva em Valencia.

Reuters |

O paciente, que não foi identificado, recebeu uma língua e uma mandíbula como parte de uma operação de transplante de rosto, a primeira realizada na Espanha.

"O paciente deve recuperar a capacidade de falar de forma inteligível, de engolir... Recuperar a sensibilidade na língua e no rosto", disse o cirurgião espanhol.

O transplante de terça-feira, o oitavo envolvendo um rosto desde que a cirurgia foi desenvolvida em 2005, foi particularmente complicada porque cirurgias anteriores tinham desativado veias, artérias e nervos normalmente conectados nessas operações, disse Cavadas.

(Reportagem de Emma Pinedo)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG