Órgão transplantado ficará permanentemente no peito de jovem de 15 anos

Uma equipe médica do hospital pediátrico Bambino Gesù de Roma realizou o primeiro transplante permanente no mundo de um coração artificial em um paciente de 15 anos, detalhou hoje a instituição.

A cirurgia foi realizada com sucesso na última quinta-feira. No entanto, somente neste sábado foram dados mais detalhes sobre o procedimento. A novidade é que desta vez o coração artificial será permanente e não, como era feito até agora, uma solução temporária à espera de um órgão compatível com o paciente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.