Israel anunciou nesta segunda-feira, através do ministério da Saúde, a morte por gripe suína, a primeira no país, de um homem de 35 anos.

O paciente foi hospitalizado na sexta em Eilat, extremo sul do país, e a necropsia revelou que foi infectado pelo vírus A (H1N1).

A família do falecido denunciou a atitude do hospital Yoseftal, ao qual o homem doente recorreu várias vezes, sem ser atendido adequadamente.

A direção do estabelecimento indicou que vai criar uma comissão para investigar o incidente.

lbj-dlm/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.