Primeira depressão tropical do Atlântico perde força no Canadá

Miami, 29 mai (EFE).- A primeira depressão tropical da temporada de furacões no Atlântico de 2009 perdeu as características tropicais ao se deslocar sobre águas frias e é possível que se dissipe no sábado, informaram hoje meteorologistas.

EFE |

O Centro Nacional de Furacões (NHC), com sede em Miami, informou que o sistema já não tem "a atividade suficiente para ser catalogado como tropical".

Às 18h (de Brasília), o sistema se encontrava perto da latitude 40,3 graus norte e da longitude 62,3 graus oeste, 490 quilômetros a su-sudeste de Halifax (Nova Escócia).

A depressão se deslocava em direção a lés-nordeste, com cerca de 29 km/h, e os ventos máximos sustentados alcançavam 45 km/h.

"A circulação associada com os restos da depressão deve se dissipar na noite de hoje ou no sábado", afirmou o NHC no boletim que emitiu sobre este sistema.

A temporada de furacões no Atlântico começa em 1º de junho e termina em 30 de novembro.

A Administração Nacional de Oceanos e Atmosfera dos Estados Unidos (NOAA, em inglês) previu que será uma temporada "quase normal".

O órgão afirmou que haverá a possível formação de 14 tempestades tropicais e entre quatro a sete furacões, dos quais entre um e três seriam de categoria maior (3,4 ou 5) na escala de intensidade Saffir-Simpson, que vai de um a cinco. EFE so/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG