Presos no Paraguai 2 membros do Comando Vermelho

Assunção, 6 set (EFE).- Dois membros do Comando Vermelho (CV), Ricardo dos Santos Silva e Anderson Bonfim de Alencar, foram detidos em Ciudad del Este, no Paraguai, na fronteira com o Brasil, e entregues às autoridades brasileiras.

EFE |

Silva, conhecido como "Tubarão" e que se apresentou como Alexandre Correa, e Alencar, ou "Cabeça", eram procurados há mais de três anos pelas autoridades brasileiras, informou hoje a Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) do Paraguai.

Os dois moravam em um exclusivo bairro fechado nos arredores de Ciudad del Este e foram aprendidos na madrugada de sábado.

Os brasileiros, que tinham caminhonetes 4x4 de alto valor, se instalaram em Ciudad del Este, "de onde coordenavam suas atividades criminosos", apontou a Senad, em comunicado.

Silva, foragido da Justiça do Rio de Janeiro, é considerado o principal fornecedor de maconha do CV e ampliou seu campo de ação para o tráfico de armas, com a compra de 90 fuzis na região para a facção.

Já Alencar "é o principal fornecedor de maconha das favelas Vila Cruzeiro, Chatuba, Sereno e Fé, no Complexo da Penha, no Rio de Janeiro. Também é um grande fornecedor de ecstasy para sua facção", detalhou a Senad, em seu relatório. EFE lb/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG