Preso no Paraguai ex-ministro da ditadura de Stroessner

Sabino Montanaro, ministro do Interior do Paraguai durante a ditadura de Alfredo Stroessner (1954/89), foi detido nesta quarta-feira e levado à prisão de Tacumbú, em Assunção, revelaram fontes judiciais.

AFP |

Montanaro, de 86 anos, é acusado de autoria intelectual da tortura e morte do jovem universitário Mario Schaerer Prono, em 1976.

O ex-ministro voltou ao Paraguai há cerca de um mês, após um exílio de 20 anos em Honduras. Desde então, estava internado em um hospital do estado, sob escolta policial.

Montanaro é réu em vários processos de tortura e desaparecimento de opositores durante o regime de Stroessner, que morreu em 2006, exilado no Brasil.

hro/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG