Preso no Canadá homem que exportaria equipamento nuclear ao Irã

Toronto (Canadá), 17 abr (EFE).- A Polícia Montada canadense anunciou hoje a prisão de um indivíduo que, segundo ela, tentava exportar ilegalmente ao Irã equipamento utilizado na produção de urânio enriquecido.

EFE |

A Polícia disse que Mahmoud Yadegari, morador da cidade de Toronto, planejou a compra e a exportação de transdutores, dispositivos capazes de transformarem uma forma de energia em outra.

"Este aparelho, que é utilizado na produção de urânio enriquecido, tem um uso legítimo comercial, mas também pode ser utilizado para aplicações militares", afirmou a Polícia Montada.

O inspetor Greg Johnson, explicou que Yadegari tentou esconder as especificações dos transdutores e disse que os exportaria aos Emirados Árabes Unidos.

"O destino declarado era Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. No entanto, temos provas de que o destinou final seria o Irã", afirmou Johnson.

De acordo com ele, Yadegari havia importado os transdutores dos EUA para o Canadá, para evitar as restrições que Washington impõe à exportação ao Irã de tecnologia com possível uso militar.

Após a compra dos aparelhos, as autoridades americanas advertiram à Polícia canadense sobre os movimentos de Yadegari.

EFE jcr/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG