Presidentes tem reunião informal antes do fim da Cúpula das Américas

Os 34 presidentes e chefes de Governo que assistem a V Cúpula das Américas participam neste domingo em uma reunião informal na residência oficial do anfitrião, o primeiro-ministro de Trinidad e Tobago, Patrick Manning.

AFP |

A reunião acontece em uma ampla mansão de St. Ann, zona norte de Port of Spain.

Os presidentes terão diálogos frente a frente, sem agenda prévia, ao mesmo tempo que os chanceleres e equipes diplomáticas deliberam para tentar concluir um texto de declaração final da Cúpula.

Cinco países, Bolívia, Venezuela, Honduras, Nicarágua e Dominica, ameaçam não assinar o documento, que consideram insuficiente.

Estes países anunciaram solidaridade com Cuba, excluída das reuniões continentais e submetida a um embargo americano desde 1962.

A cerimônia final da Cúpula das Américas, durante a qual deve ser assinada a declaração de Port of Spain, deve acontecer antes do almoço no complexo que serve de sede ao encontro.

hov/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG