Presidente sudanês viaja para a Líbia e é recebido por primeiro-ministro

Trípoli, 26 mar (EFE).- O presidente do Sudão, Omar al-Bashir, chegou hoje à cidade líbia de Syrte, 400 quilômetros ao leste de Trípoli, onde foi recebido pelo primeiro-ministro local, Al Baghdadi Ali Al-Mahmudi, segundo informou a agência oficial Jana.

EFE |

Apesar da ordem de detenção emitida contra si pelo Tribunal Penal Internacional (TPI), a Líbia é mais uma etapa de uma viagem do presidente sudanês por países da região, como Eritréia e Egito.

Nenhuma dessas nações é signatária do tratado que estabeleceu a criação do TPI.

Bashir deve se reunir com o líder líbio, Muammar Kadafi - atual ocupante da Presidência rotativa da União Africana (UA) -, um dos principais defensores do chefe de Estado sudanês em relação à postura do tribunal internacional.

Kadafi também já atuou em diversas ocasiões como mediador no conflito entre Sudão e Chade e na crise da região sudanesa de Darfur.

O líder líbio chamou de "grave precedente" a ordem de detenção expedida pelo TPI contra Bashir no último dia 4 por supostos crimes de guerra e de lesa-humanidade e acusou o tribunal internacional de tomar "ações seletivas".

Em comunicado, a Presidência da UA considerou que o TPI existe unicamente para conduzir uma "política de terrorismo contra os países fracos de modo a questionar sua independência, sua soberania e suas eleições políticas".

Segundo a ONU, 300 mil pessoas já morreram em decorrência do conflito em Darfur, que começou em 2003 e deixou 2,7 milhões de deslocados e refugiados até o momento. EFE fa-jg/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG