Presidente sírio pede a EUA que tenham papel ativo no Oriente Médio

O presidente da Síria, Bashar al-Assad, pediu nesta quarta-feira aos Estados Unidos que assumam um papel ativo para a paz no Oriente Médio, durante um encontro com senadores americanos em Damasco, informou a agência oficial Sana.

AFP |

Assad conversou com a delegação liderada pelo senador republicano Judd Gregg sobre "as perspectivas de paz" na região.

O presidente sírio reiterou que seu país "busca uma paz justa e duradoura baseada nas resoluções internacionais garantindo a segurança e a estabilidade na região".

Ele conclamou Washington e a comunidade internacional a "desempenhar um papel ativo para a paz e para acabar com a ocupação" das terras árabes por Israel, destacou a Sana.

Assad também afirmou "a disposição da Síria em atuar em prol do bem e da estabilidade no Iraque".

Já os membros da delegação americana insistiram na "importância de desenvolver as relações entre os Estados Unidos e a Síria".

As visitas de dirigentes americanos a Damasco se multiplicaram desde a chegada do presidente Barack Obama ao poder, em janeiro deste ano.

Em setembro, o vice-ministro sírio das Relações Exteriores, Fayçal Mekdad, viajou a Washington para conversar com um alto representante do departamento de Estado, Jack Lew. Há cinco anos que um dirigente sírio tão importante não visitava os Estados Unidos.

rm/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG