Moscou, 28 jul (EFE).- O presidente russo, Dmitri Medvedev, condenou hoje os bárbaros atentados cometidos neste domingo em Istambul, que deixaram 17 mortos e 153 feridos, 14 deles eme stado grave.

"Decididamente, condenamos esses bárbaros atentados em conseqüência dos quais morreu e sofreu gente inocente", afirma Medvedev em sua mensagem de condolências ao presidente turco, Abdullah Gül.

Medvedev expressou seu "profundo pesar" pela tragédia ocorrida nas ruas de Istambul, e expressou seu desejo de que os feridos se recuperem "o mais rápido possível", informou o Kremlin, em comunicado. EFE io/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.