Presidente português se diz consternado por terremoto no Chile

Lisboa, 27 fev (EFE).- O presidente de Portugal, Aníbal Cavaco Silva, enviou hoje uma mensagem à presidente do Chile, Michelle Bachelet, em que se diz profundamente consternado pelos trágicos efeitos do terremoto desta madrugada.

EFE |

"Quero apresentar a vossa excelência, em nome do povo português e do meu próprio, os sentimentos de nosso profundo pesar", afirma no texto.

Na mesma nota, Cavaco pede a Bachelet que transmita às famílias prejudicadas "sinceras condolências".

O terremoto aconteceu hoje às 3h36 (na hora local e em Brasília) com epicentro na região de Bío-Bío, a 500 quilômetros de Santiago e a 90 quilômetros da capital regional, Concepción.

O sismo chegou a ser sentido em alguns bairros de São Paulo e teve 8,8 graus de magnitude na escala Richter, segundo o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS, em inglês).

Foi gerado um tsunami no Oceano Pacífico que chegará ainda hoje ao Havaí, como informou a Administração Nacional de Atmosfera e Oceanos (NOAA, na sigla em inglês).

A NOAA emitiu ainda um alerta de tsunami para uma ampla área do Pacífico, já retirado em muitos países pelas autoridades locais. EFE mrl/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG