Presidente português aceita nomeação do novo ministro da Economia

Lisboa, 3 jul (EFE).- O presidente da República de Portugal, Aníbal Cavaco Silva, aceitou hoje a nomeação de Fernando Teixeira dos Santos como novo ministro da Economia, após a demissão ontem à noite de Manuel Pinho, após ele fazer um gesto indecoroso no Parlamento.

EFE |

Teixeira dos Santos, atual ministro das Finanças, será o responsável pelas duas pastas até o dia 27 de setembro, quando vão ser realizadas as eleições legislativas, e tomará posse do novo cargo na próxima segunda-feira, segundo informou a Presidência.

Além disso, no ato será nomeado o novo secretário de Estado para a Indústria e a Inovação, José de Castro Guerra; o secretário de Estado de Comércio, Serviços e Defesa do Consumidor, Fernando Pereira Serrasqueiro; e o secretário de Turismo, Bernardo Luís Amador Trindade.

Manuel Pinho, que estava no cargo desde 2005, renunciou após simular chifres com as mãos durante o debate do Estado da Nação no Parlamento.

O gesto foi dirigido ao porta-voz dos comunistas portugueses, Bernardino Soares, depois que este o recriminou por sua atitude devido a um problema laboral surgido nas minas de Aljustrel, sul do país.

O primeiro-ministro português, José Sócrates, lamentou o comportamento de Pinho e declarou que foi um "gesto fatal", mas considerou que o "episódio" foi redimido imediatamente pelo Governo.

EFE prl/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG