Varsóvia, 12 ago (EFE).- O presidente da Polônia, Lech Kaczynski, cedeu seu site oficial ao Governo da Geórgia para que possa passar pelo bloqueio informático colocado pela Rússia às páginas georgianas, afirma hoje o site polonês.

"Junto com sua agressão militar, a Federação Russa está bloqueando os portais da internet da Geórgia", afirma um comunicado publicado no site, que acrescenta que a Polônia permitirá à Geórgia divulgar suas informações a pedido do presidente georgiano, Mikhail Saakashvili.

O site de Kaczynski publica, assim, imagens dos ataques russos e seus efeitos sobre a população civil, comunicados oficiais e informações nas quais enumeram as agressões por parte do Exército russo.

Sobre as informações, que aparecem em uma parte criada especialmente na zona direita do portal, o departamento de comunicação da Presidência polonesa afirma não ter "nenhuma responsabilidade" por permitir à Geórgia divulgar seus comunicados.

Kaczynski, que hoje viajou a Tbilisi, expressou, antes de partir, sua confiança em que o atual fim das ações militares permita alcançar a paz no Cáucaso, se não ocorrer um ressurgimento da violência. EFE nvm/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.