Presidente peruano participa de manifestação por seqüestrados na Colômbia

Lima, 19 jul (EFE).- O presidente do Peru, Alan García, e parte de seu gabinete de ministros foram hoje até o distrito de Miraflores, em Lima, onde foi realizada uma manifestação de solidariedade ao povo colombiano e às pessoas seqüestradas pelas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

EFE |

A mobilização, que reúne milhares de pessoas, faz parte de uma jornada mundial para expressar solidariedade ao Governo e ao povo da Colômbia.

Convocada pela embaixada da Colômbia em Lima, o protesto foi liderado por García e por autoridades peruanas, como o presidente do Conselho de Ministros, Jorge del Castillo, e o chanceler peruano, José Antonio García Belaúnde.

Também participaram do ato os ministros de Justiça, Rosario Fernández, e Habitação, Construção e Saneamento, Enrique Cornejo, além da ex-ministra da Mulher e Desenvolvimento Social Virginia Borra.

Milhares de estudantes, membros de organizações sociais, ex-militares e civis de todas as idades acampanharam a marcha, que percorreu aproximadamente 15 quarteirões.

Após a mobilização, teve início um espetáculo artístico, que seria seguido por um show.

A mobilização foi elogiada pelo cardeal peruano Juan Luis Cipriani, que disse que ela também deve servir para lembrar que esse tipo de violência afetou por anos a sociedade peruana. EFE dub/bm/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG