Presidente do Uruguai chega amanhã para cúpulas no Brasil

Montevidéu, 14 dez (EFE).- O presidente do Uruguai, Tabaré Vázquez, viaja amanhã para Salvador, onde participa na terça-feira das cúpulas de chefes de Estado da América Latina e do Caribe, União de Nações Sul-Americanas (Unasul) e Mercado Comum do Sul (Mercosul).

EFE |

O presidente uruguaio irá, posteriormente, para a Arábia Saudita para uma visita oficial entre 19 e 22 de dezembro.

Vázquez, socialista e primeiro presidente de esquerda na história do país, será acompanhado pelos ministros das Relações Exteriores, Gonzalo Fernández; Economia e Finanças, Álvaro García, e Pecuária, Agricultura e Pesca, Ernesto Agazzi.

A delegação uruguaia ameaçou deixar a Unasul a Argentina insista em impulsionar a candidatura de seu ex-presidente Néstor Kirchner como secretário-geral da entidade, anunciou hoje a imprensa local citando fontes oficiais.

O presidente do Uruguai, Tabaré Vázquez, manteve um forte enfrentamento, o pior em décadas, com o Governo argentino comandado por Néstor Kirchner, devido à instalação no Uruguai da fábrica de celulose da finlandesa Botnia, que representou o maior investimento da história uruguaia, de US$ 1,8 bilhão.

O Governo argentino, atualmente com a ex-primeira dama Cristina Fernández de Kirchner, considerou "uma ofensa e um agravo para o povo argentino" o veto do Governo uruguaio.

Atualmente os estatutos da Unasul determinam que o secretário-geral seja nomeado por unanimidade dos 12 países-membros, mas o Governo argentino deixou transparecer que na cúpula da entidade proporá que se modifiquem as regras para que ela passe a ser por maioria. EFE jf/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG