Presidente do Sinn Féin visita a Faixa de Gaza

Gaza, 8 abr (EFE).- Gerry Adams, presidente do Sinn Féin, braço político do inativo Exército Republicano Irlandês (IRA, em inglês), visitou hoje a Faixa de Gaza e chamou de um grande erro a ofensiva militar israelense contra o território palestino.

EFE |

Adams percorreu os locais mais atingidos pelos bombardeios israelenses realizados em dezembro e janeiro, nos quais morreram mais de 1.400 palestinos, na maioria civis, e se mostrou "muito surpreso" pela destruição provocada na Faixa.

"As pessoas de Gaza merece viver em paz e harmonia. Israel tem que entender que possuem os mesmos direitos que os israelenses", declarou Adams a jornalistas.

Segundo o presidente do Sinn Féin, o conflito entre palestinos e israelenses "tem que acabar e deve ser resolvido de forma pacífica".

"A comunidade internacional tem responsabilidade" pelos fatos dos quais "a Faixa de Gaza é testemunha", acrescentou Adams.

Esta é a primeira visita de um líder nacionalista norte-irlandês à faixa palestina, controlada pelo movimento islâmico Hamas desde que este expulsou do território as forças leais ao presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, em junho de 2007.

Em 2006, Adams visitou Israel e Cisjordânia, mas não foi à Faixa de Gaza.

Segundo informações divulgadas pelo presidente do Sinn Féin na semana passada, as autoridades israelenses se negaram a recebê-lo porque não se comprometeu a não se reunir com representantes do Hamas durante sua visita. EFE sar-aca/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG