Presidente do Parlamento taiuanês viaja para EUA para reforçar laços

Taipé, 24 jul (EFE) - O presidente do Parlamento taiuanês, Wang Jin-ping, partiu hoje para os Estados Unidos com a promessa de fomentar uma maior aproximação entre Taipé e Washington.

EFE |

Wang, convidado pela Fundação Heritage, se reunirá com acadêmicos e dirigentes políticos, aos quais explicará a política do atual Governo taiuanês.

Antes de partir, o presidente do Legislativo declarou que os principais objetivos são assegurar a provisão de armamento americano para a ilha e impulsionar a assinatura de um acordo de livre-comércio.

"São necessárias relações mais estreitas com Washington, apesar da aproximação com a China", indicou Wang, antes de partir, no aeroporto internacional de Taoyuan.

Washington deve equilibrar os laços com Taipé e Pequim, acrescentou o chefe parlamentar, que espera que os Estados Unidos não interrompam a venda de armas a Taiwan, para a defesa perante um eventual ataque chinês.

A aproximação entre Taipé e Pequim não elimina a necessidade de defender a segurança nacional, destacou.

Wang visitará várias cidades americanas, entre elas Washington e Nova York, antes de voltar à ilha, em 3 de agosto.

Taiwan e Estados Unidos não mantêm laços diplomáticos desde 1979, quando Washington estabeleceu relações oficiais com Pequim.

Os Estados Unidos são o principal fornecedor de armas de Taipé e o Congresso americano aprovou em 1979 a Ata de Relações de Taiwan, pela qual se compromete na defesa da ilha em caso de um ataque chinês. EFE flp/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG