Presidente do BKA adverte para riscos de atentados de suicidas alemães

Berlim, 21 jun (EFE).- O presidente do Escritório Federal de Investigação Criminal da Alemanha (BKA), Jörg Ziercke, advertiu hoje para possíveis atentados terroristas por parte de ativistas suicidas de nacionalidade alemã.

EFE |

Em uma entrevista ao semanário germânico "Focus", que será publicada amanhã, Ziercke assegura que entre os potenciais suicidas se encontra o islamita radical Eric Breininger, que aparentemente está no Afeganistão atualmente.

Eric Breininger é um jovem alemão procedente da região do Sarre, que se converteu ao Islã, e é considerado membro da União para a Jihad Islâmica (IJU).

"Tememos que possa ser o próximo (terrorista) suicida", afirma Ziercke, para quem Breininger "poderia causar a morte de soldados e cidadãos alemães".

Após afirmar que o suposto terrorista parece ter a intenção de atuar contra as tropas alemãs postadas no Afeganistão, ele revelou que seus temores têm como base publicações na internet nas quais podem ser vistas imagens de Breininger.

O diretor da BKA assegura que vários islamitas procedentes da Alemanha se encontram atualmente em campos de treinamento para terroristas no Afeganistão.

"Eles representam um novo tipo de ameaça", disse Ziercke, para quem "aqueles que vão ao Afeganistão ou ao Paquistão para preparar-se como terroristas suicidas, podem muito bem, segundo a lógica do terrorismo, retornar à Alemanha para cometer atentados".

EFE jcb/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG