Presidente do banco central do Irã é demitido

Por Parisa Hafezi TEERÃ (Reuters) - O presidente do banco central do Irã foi demitido um ano após assumir o cargo. Diferenças com o governo sobre a política monetária teriam causado a situação, disse uma autoridade iraniana neste sábado.

Reuters |

Tahmasb Mazaheri, indicado em setembro do ano passado, divergiu do presidente Mahmoud Ahmadinejad sobre taxas de juros e políticas de empréstimos bancários.

Mazaheri solicitou um aumento nos juros para ajudar a conter a inflação, atualmente em torno de 27 por cento. O governo tem mantido as taxas baixas.

Antes do anúncio, alguns analistas diziam que Ahmadinejad poderia querer substituir o presidente do órgão para obter maior controle da política monetária antes da próxima eleição presidencial, quando se espera que busque um segundo mandato de quatro anos.

As notícias de que Mazaheri estava de saída surgiram primeiro na agência de notícias Fars, que disse que a vaga irá para o secretário-geral do banco central, Mahmoud Bahmani.

Um anúncio oficial deve ser feito neste domingo, disse a fonte.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG