Presidente deposto de Honduras é convidado a discursar na ONU

NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - O presidente da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas, Miguel DEscoto, disse nesta segunda-feira que convidou o presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, a discursar na assembleia assim que possível. Enviei uma carta ao presidente de Honduras... para vir às Nações Unidas e discursar na Assembleia Geral assim que for possível e nos dar um relatório atualizado sobre os eventos em seu país, disse DEscoto.

Reuters |

D'Escoto, ex-ministro de Relações Exteriores do governo sandinista de esquerda da Nicarágua nos anos 1980, deu essas declarações em sessão da assembleia convocada por ele para discutir o golpe em Honduras.

Militares hondurenhos capturaram Zelaya e o levaram à Costa Rica no domingo, em meio a uma disputa política sobre os planos de Zelaya de estender o mandato presidencial.

(Reportagem de Patrick Worsnip)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG