Presidente deposto de Honduras deve participar de reunião da OEA

WASHINGTON (Reuters) - O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, pretende ir a Washington para participar de uma assembleia-geral extraordinária da Organização dos Estados Americanos (OEA) nesta terça-feira, disse uma autoridade do Departamento de Estado norte-americano. Segundo o porta-voz Ian Kelly, depois de Zelaya falar na Organização das Nações Unidas (ONU), ele deve ir a Washington para a reunião da OEA que acontecerá no fim da tarde.

Reuters |

Se ele vier a Washington também deve se reunir com funcionários do Departamento de Estado, disse Kelly.

(Reportagem de Deborah Charles)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG