Presidente de Israel quer processo a criminosos nazistas

Berlim, 27 jan (EFE).- O presidente israelense, Shimon Peres, pediu hoje no Bundestag (Câmara Baixa do Parlamento alemão) que os criminosos nazistas que continuam vivos sejam perseguidos e levados à Justiça.

EFE |

"Peço que façam tudo o possível para que seja aplicado o castigo justo a esses criminosos", afirmou Peres, em uma sessão especial do Bundestag, no dia em que se lembra as vítimas do Holocausto, coincidindo com o aniversário da libertação do campo de extermínio de Auschwitz, na Polônia ocupada.

Peres disse que, aos "olhos" dos judeus, o processo judicial desses criminosos não é questão de "revanche", mas de "educação".

"Os jovens devem lembrar, não podem esquecer e devem saber o que ocorreu", acrescentou.

O presidente israelense chegou na segunda-feira à Alemanha em uma visita oficial de quatro dias, nos quais se encontrou com a chanceler alemã, Angela Merkel, e com o presidente do país, Horst Köhler.

Peres visitou também a via número 17 da estação de trem de Grünewald, no sudoeste de Berlim, de onde partiam muitos dos trens que levaram milhares de judeus aos campos de extermínio na Polônia ocupada.

O presidente de Israel, cuja visita a Berlim está em meio a estritas medidas de segurança, deixará a Alemanha amanhã. EFE nvm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG