Presidente de Israel indica Tzipi Livni para formar governo

JERUSALÉM - O presidente de Israel, Shimon Peres, pediu nesta segunda-feira à chanceler Tzipi Livni que forme um novo governo, abrindo caminho para a que a líder do partido Kadima se torne a segunda primeira-ministra na história do país.

Redação com agências internacionais |

Livni sucede o ex-premiê Ehud Olmert como presidente do Kadima após uma votação interna na semana passada. Olmert, abalado por escândalos de corrupção, renunciou ao cargo no domingo .

AP
Tzipi Livni
Tzipi Livni pode ser a
segunda mulher premiê de Israel
A chanceler terá até 42 dias para formar uma nova coalizão. Se não conseguir formar o governo, quase certamente será convocada uma eleição parlamentar.


O presidente Peres anunciou esta decisão depois de consultar os líderes de partidos políticos representados no Parlamento depois da renúncia, domingo, do primeiro-ministro Ehud Olmert, envolvido em casos de corrupção.

No entanto, Olmert seguirá liderando um governo de transição até a formação de um novo gabinete ou a realização de eleições.

Leia mais sobre Israel

* Com Reuters e AFP

    Leia tudo sobre: israel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG