O presidente de Honduras, Manuel Zelaya, desmentiu categoricamente ter apresentado sua renúncia junto com todo seu gabinete, como afirmara mais cedo neste domingo o secretário do Congresso, José Alfredo Saavedra, ao ler uma suposta carta do dirigente anunciando sua demissão.

on/yw

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.