Presidente de clube da segundona francesa é processado por assassinato

Paris, 8 jun (EFE).- O presidente do Ajaccio, da segunda divisão do Campeonato Francês, e ex-líder nacionalista, Alain Orsoni, foi processado hoje dentro de uma investigação sobre um assassinato na ilha de Córsega em janeiro passado, informaram fontes judiciais.

EFE |

Além de Orsoni, detido na quinta-feira, há outras duas pessoas que estariam envolvidas no crime, ainda segundo as fontes.

O assassinato investigado é o do bombeiro Thierry Castola, de 36 anos, cometido em 3 de janeiro passado em Bastelicaccia, no sul da ilha francesa.

Francis Castola, pai da vítima, também foi assassinado, em 2005.

EFE lg/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG