Ahern será lembrado como um dos melhores políticos - Mundo - iG" /

Presidente da Irlanda: Ahern será lembrado como um dos melhores políticos

Dublin, 2 abr (EFE).- A presidente da República da Irlanda, Mary McAleese, afirmou hoje que o primeiro-ministro, Bertie Ahern, será lembrado como um dos melhores políticos de sua geração quando deixar o cargo em 6 de maio.

EFE |

"Sua contribuição à nossa vibrante economia e ao processo de paz na Irlanda do Norte foi importantíssima e merece todo o nosso crédito", disse a presidente sobre Ahern, que anunciou hoje a data de sua renúncia após ser envolvido em um suposto caso de corrupção urbanística.

O vice-primeiro-ministro e titular de Finanças, Brian Cowen, também classificou de "incalculável" a contribuição do primeiro-ministro na construção de uma "Irlanda em paz, bem-sucedida, segura de si e moderna".

Cowen é exatamente o principal candidato a ocupar, a partir de maio de 2008, a chefia do Governo irlandês e a liderança do partido Fianna Fáil.

"Sua dedicação, julgamento político, determinação e natureza conciliatória são algumas de suas características especiais, que o ajudaram a moldar o país em que vivemos hoje", opinou.

Os principais partidos da oposição irlandesa qualificaram hoje de "necessário" o anúncio de saída do primeiro-ministro.

O líder da oposição, Enda Kenny (Fine Gael), afirmou que o primeiro-ministro fixou para os outros "princípios e pautas de comportamento" que não se aplicavam a "ele próprio".

Além disso, disse que as investigações do tribunal anticorrupção sobre as finanças de Ahern estavam "distraindo" o trabalho do Governo.

O presidente do Partido Trabalhista, Eamon Gilmore, afirmou que os discursos "contraditórios" de Ahern perante o citado tribunal prejudicaram seriamente sua credibilidade.

"O senhor Ahern se deu conta da gravidade da situação em que se encontra e sairá na data adequada", disse Gilmore.

Já o presidente do partido norte-irlandês Sinn Féin - braço político do Exército Republicano Irlandês (IRA, em inglês) -, Gerry Adams, preferiu lembrar com "todas as coisas boas que Ahern fez".

"Haverá tempo de sobra para fazer outras análises políticas ou de outra natureza. O primeiro-ministro anunciou hoje sua renúncia com graça e dignidade", disse o dirigente republicano. EFE ja/ev/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG