Presidente da Argentina começa em Argel sua viagem pelo norte da África

Argel, 16 nov (EFE).- A presidente da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner, chegou hoje ao aeroporto internacional de Argel, onde foi recebida pelo presidente argelino, Abdelaziz Bouteflika, na primeira etapa de uma viagem por vários países do norte da África, na qual irá também ao Egito, Líbia e Tunísia.

EFE |

Cristina chegou acompanhada pelo chanceler argentino, Jorge Taiana, e pelo ministro de Planejamento Federal, Investimento Público e Serviços, Julio de Vido, assim como por mais de 70 empresários de diversos setores econômicos.

Na segunda-feira, serão desenvolvidas as principais atividades da visita à Argélia da presidente, que se reunirá com Bouteflika no Palácio Presidencial.

Esta é a primeira viagem de um presidente da Argentina à Argélia em 24 anos, quando o então líder do país sul-americano, Raúl Alfonsín, realizou uma breve visita ao país norte-africano, em 1984.

Com a Argélia, as relações de cooperação e comerciais registraram um significativo impulso nos últimos anos, mas a balança comercial continue sendo favorável ao país sul-americano.

Durante os últimos cinco anos, o comércio bilateral aumentou 585% e alcançou quase US$ 800 milhões em 2007.

A Argentina é o principal fornecedor de leite em pó para a Argélia e exporta também cereais, mel, gorduras e óleos animais e vegetais, derivados da indústria alimentícia, e manufaturas de fundição de ferro e aço.

A Argélia só exportou ao país latino-americano alguns derivados de hidrocarbonetos por um valor de US$ 19,20 milhões em 2007.

A Argentina construiu um reator nuclear na região de Draria, perto de Argel, que será visitado por Cristina na próxima segunda-feira.

Os dois países estão preparando um acordo de cooperação nuclear, que poderá ser assinado após a visita da presidente, e também desejam aumentar a colaboração no campo de pesquisa espacial e satélites de comunicação.

Durante a visita de Cristina, serão assinados vários acordos de cooperação em matéria de saúde, produtos farmacêuticos, colaboração em museologia e promoção cultural.

Na próxima segunda-feira, será realizado em Argel um seminário sobre oportunidades de comércio, negócios e investimentos entre Argentina e Argélia, com a participação de mais de 70 empresários argentinos e cerca de 200 argelinos.

Além disso, a presidente se reunirá na segunda-feira com o primeiro-ministro argelino, Ahmed Ouyahia, e o presidente da Assembléia Popular Nacional (Parlamento), Abdelaziz Ziari, e, após participar do jantar de encerramento do seminário econômico, viajará para a Tunísia. EFE jg/fh/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG