Presidente angolano nomeia novo gabinete

Luanda, 1 out (EFE) - O presidente angolano, José Eduardo dos Santos, nomeou hoje seu novo gabinete, de 33 pastas e no qual a maioria dos ministros do Governo anterior permaneceu, após as eleições legislativas de 5 de setembro, as quais tiveram como vencedor o Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA).

EFE |

Entre os ministros que permanecem em seus cargos estão os titulares de Defesa, general Kundy Paihama; do Interior, Roberto Monteiro "Ngongo"; de Planejamento, Ana Dias Lourenço; de Educação, Antonio Burity da Silva, e de Pesca, Salomão Xirimbimbi.

Alguns dos ministros substituídos são o de Relações Exteriores, João Miranda, que dá lugar ao antigo embaixador em Portugal, Assunção dos Anjos, e o de Petróleo, Desidério Costa, que cede o cargo a Botelho de Vasconcelos.

O gabinete tem um segundo cargo de ministro sem pasta, de Francisca Espírito Santo, que divide o mesmo posto com o antigo dirigente da Frente de Libertação do Enclave de Cabinda (FLEC), António Bento Bembe.

O Executivo, liderado pelo ministro da Presidência, António Kassoma, ex-governador da província de Huambo, tem ainda Pedro Mutindi, que deixou o governo da província de Cunene para se transferir ao Ministério de Hoteleria e Turismo.

O presidente angolano deve nomear os vice-ministros de seu gabinete e os governadores de todas as províncias angolanas.

Está previsto que os integrantes do novo Governo assumam seus cargos na próxima sexta-feira em Luanda. EFE ms/rb/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG