Presidente alemão aprova eleições gerais em 27 de setembro

Berlim, 6 jan (EFE).- O presidente alemão, Horst Köhler, deu hoje sinal verde à proposta do Governo e autorizou a realização das eleições gerais em 27 de setembro.

EFE |

O pleito parlamentar na Alemanha tem de ser realizado entre 19 de agosto e 18 de outubro de 2009, para cumprir os prazos e esgotar a legislatura, de acordo com o artigo 39 da Lei Fundamental, mas é o presidente federal quem define a data.

Foi o ministro do Interior, Wolfgang Schäuble, que assinou a proposta em 4 de setembro, após abordar a questão com os partidos com representação parlamentar e com os estados federados que devem convocar pleitos regionais nessas datas: Sarre, Turíngia e Saxônia.

As últimas eleições gerais, em 18 de setembro de 2005, terminaram com a vitória da União Democrata-Cristã (CDU) da hoje chanceler, Angela Merkel, com uma pequena margem de diferença com relação ao Partida Social-Democrata (SPD) do então chefe do Governo, Gerhard Schröder.

A previsão é de que Merkel se candidate à reeleição, enquanto o SPD enviará o ministro de Exteriores e agora também vice-chanceler, Frank-Walter Steinmeier, à corrida eleitoral. EFE umj-gc/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG