Presidente afegão faz visita oficial à China

Cabul, 23 mar (EFE).- O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, embarcou hoje em seu país rumo à China para uma visita oficial de três dias, durante a qual buscará fomentar os investimentos e as relações bilaterais, segundo o Palácio presidencial afegão.

EFE |

"Durante sua viagem de três dias, o presidente Karzai manterá reuniões com o presidente da China, Hu Jintao, o primeiro-ministro Wen Jiabao e o deputado Wu Bangguo para intercambiar pontos de vista sobre assuntos de interesse mútuo", informou a Presidência afegã em comunicado.

Segundo o Palácio presidencial, Karzai deve assinar três acordos de cooperação, pronunciará um discurso na Universidade de Pequim e também vai se reunir com empresários chineses.

Karzai viaja acompanhado por uma delegação composta pelo ministro de Exteriores, Zalmai Rasul, o conselheiro de Segurança Nacional, Rangin Dadfar Spanta, o ministro da Defesa, Rahim Wardak, e cerca de 20 empresários, além de outros políticos.

Segundo dados oficiais, desde 2002 Pequim forneceu US$ 900 milhões para projetos de reconstrução no Afeganistão, e recentemente anunciou outros US$ 75 milhões para projetos de cooperação.

Além disso, a China foi o protagonista do maior investimento realizado nos últimos tempos no Afeganistão, com a compra das minas de cobre Aynak, no valor de US$ 3,5 bilhões.

Os países compartilham uma pequena fronteira, de aproximadamente 76 quilômetros, que une um extremo da província nordeste afegã de Badakshan com a região autônoma uigur de Xinjiang, mas a passagem está fechada. EFE nh-daa/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG