Cabul, 28 abr (EFE).- O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, cancelou o desfile militar previsto para hoje em Cabul, que tinha como objetivo comemorar a vitória mujahedin sobre o regime comunista pró-soviético, segundo nota divulgada pelo Governo.

Karzai, que saiu ileso de um ataque rebelde durante o desfile de 2008, optou por substituir a cerimônia deste ano por um banquete com ex-mujahedins e embaixadores estrangeiros.

De acordo com o comunicado, o dinheiro que seria usado na realização do evento será destinado às vítimas das inundações na região de Badakshan e do terremoto que afetou a província de Nangarhar.

O ataque insurgente realizado em abril de 2008 matou três civis, entre eles, um deputado. EFE lo/plc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.