alta traição - Mundo - iG" /

Presidência ucraniana acusa a primeira-ministra de alta traição

A presidência ucraniana acusou nesta segunda-feira de alta traição a primeira-ministra Yulia Timoshenko, que mantém tensas relações com o chefe de Estado, Viktor Yuchenko, devido a seu trabalho a favor dos interesses da Rússia.

AFP |

"A atuação da primeira-ministra levam marcas de alta traição e corrupção ", afirmou, em um comunicado, o chefe adjunto da presidência, Andri Kyslynsky.

Timoshenko visa a obter o apoio do Kremlim na próxima eleição presidencial, prevista para final de 2009 ou começo de 2010, assegurou Kyslynsky, sem citar fatos concretos.

Segundo o funcinário, o fato de que Timoshenko não tenha emitido opiniões sobre a resposta militar russa contra a Geórgia, ao contráro do que fez a presidência ucraniana, é uma prova disso.

ant/via/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG