Tamanho do texto

Bangcoc, 9 set (EFE).- O Tribunal Constitucional tailandês declarou que o primeiro-ministro, Samak Sundaravej, descumpriu a Constituição ao apresentar um programa de culinária na TV local.

A sentença, que implica em sua inabilitação para desempenhar o cargo, considerou que Sundaravej descumpriu o capítulo da Carta Magna que proíbe os membros do Governo de trabalharem em empresas privadas. EFE grc/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.