Premier israelense rebate novas suspeitas de fraude

O primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, contra-atacou com força, neste sábado, após a divulgação, na sexta-feira, de novas suspeitas de golpe pesando contra ele, ao término de um interrogatório policial.

AFP |

"É desdenhável que esse caso seja explorado para questionar minha família", disse ele aos jornalistas, pouco antes de seguir para Paris, onde participará da cúpula de lançamento da União pelo Mediterrâneo.

Segundo essas suspeitas, quando era prefeito de Jerusalém e, depois, ministro do Comércio e da Indústria, Olmert se dirigia, em separado, a várias instituições para financiar uma mesma viagem, enviando para cada uma faturas diferentes do mesmo vôo, como se cada uma delas fosse a única a financiá-lo, informou a polícia e o Ministério da Justiça, em um comunicado.

ms-sy/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG