O primeiro-ministro húngaro Ferenc Gyurcsany propôs neste sábado renunciar ao cargo para permitir a formação de um novo governo, em um discurso no congresso do partido socialista MSZP em Budapeste.

"Proponho a formação de um novo governo com um novo chefe de Governo", declarou Gyurcsany, sem mencionar um sucessor potencial.

"Peço ao congresso que permita ao presidente do partido, ao conselho de administração e ao líder da bancada parlamentar que preparem a designação de um novo primeiro-ministro", acrescentou.

Gyurcsany, que dirige um governo minoritário, afirmou que pretende informar o Parlamento de sua decisão na segunda-feira. Ele propôs a designação do novo primeiro-ministro em um congresso extraordinário do Partido Socialista dentro de duas semanas.

Ferenc Gyurcsany, de 47 anos, ocupa a função de primeiro-ministro da Hungria desde 29 de setembro de 2004.

bal/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.