Premier Gordon Brown descarta convocar eleições

O primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, que atravessa um bom momento nas pesquisas de opinião, graças à sua gestão da crise financeira, declarou que não pensa, em absoluto, em convocar eleições, em uma entrevista à rede de televisão BBC1.

AFP |

"Não penso, em absoluto, nisso. De fato, seria até ruim refletir sobre isso, porque passamos todo o tempo pensando no que podemos fazer" frente à crise econômica, afirmou, insistindo em que "toda nossa atenção se concentra em como podemos resolver esse problema".

Gordon Brown, que assumiu o cargo de premier em junho de 2007 sem passar pelas urnas, depois da saída de Tony Blair, tem até maio de 2010, no máximo, para convocar eleições legislativas.

As últimas pesquisas sugerem um aumento de popularidade do premier e de seu Partido Trabalhista, em um momento em que o país se encontra à beira da recessão, o que deve fazer ressurgir especulações sobre a possível convocação de eleições.

lgo/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG