Premiê turco diz que Obama garante exigências do país na Otan

Istambul, 5 abr (EFE).- O primeiro-ministro da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, afirmou hoje que o presidente americano, Barack Obama, é o garantidor das exigências turcas na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

EFE |

A afirmação de Erdogan se deve ao fato de a Turquia ter retirado o veto ao nome do primeiro-ministro dinamarquês, Anders Fogh Rasmussen, para o cargo de secretário-geral da Otan após negociações lideradas por Obama.

A Turquia manteve até o último momento sua ameaça de veto a Rasmussen, o candidato de consenso do resto dos países da Otan, após acusar o político dinamarquês de não ter atendido aos pedidos de Ancara para interromper as transmissões do canal curdo de televisão "Roj TV".

A emissora seria próxima ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), ilegal na Turquia.

Além disso, o Governo turco criticou o papel de Rasmussen durante a crise das caricaturas de Maomé publicadas na Dinamarca há mais de três anos.

No entanto, a Turquia acabou cedendo seu voto ao dinamarquês depois da garantia de que o Executivo de Copenhague faria o possível para fechar a "Roj TV" e de que representantes turcos ocupariam três importantes cargos na Otan. EFE amu/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG