Premiê israelense se dispõe a diálogo de paz com Síria

Jerusalém, 20 mai (EFE).- O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, está preparado para iniciar conversas de paz com a Síria imediatamente, se não houver condições prévias, informou à Agência Efe o porta-voz do chefe de Governo, Mark Regev.

EFE |

Netanyahu anunciou sua disposição em dialogar com Damasco ao voltar a Israel, após três dias de visita oficial aos Estados Unidos, onde manteve, na segunda-feira, seu primeiro encontro com o presidente americano, Barack Obama, informou a edição on-line do jornal "Ha'aretz".

O chefe do Governo israelense transmitiu a Obama sua disposição em negociar com a Síria, se o diálogo não tiver "condições prévias", em referência à exigência síria de que Israel devolva as Colinas do Golã, o planalto ocupado por Israel durante a Guerra dos Seis Dias em 1947.

Netanyahu também manifestou a Obama que "qualquer acordo de paz deve dar uma solução às necessidades de segurança de Israel", e se mostrou a favor de "ampliar o círculo da paz", incluindo outros Estados árabes no processo, se estes "também fizerem concessões".

"Nas próximas semanas e dias, começará uma rodada de conversas com os Estados Unidos para trabalhar esses pontos", anunciou. EFE aca/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG