Premiê do Japão comunica aliado de Governo sobre mudança em gabinete

Tóquio, 1º ago (EFE).- O primeiro-ministro do Japão, Yasuo Fukuda, se reuniu com Akihiro Ota, o líder de seus aliados no Governo, para informá-lo de sua decisão de remodelar seu gabinete, informou a agência de notícias Kyodo.

EFE |

Alguns legisladores disseram ontem (quinta-feira no Brasil) que Fukuda decidiu mudar alguns dos ministros de seu gabinete pela primeira vez desde que tomou posse, em setembro do ano passado.

O partido Novo Komeito é aliado do Governo do Partido Liberal-Democrata (PLD) de Fukuda, que vai reformar os ministérios para melhorar seus índices de popularidade, que não passam de 20%.

Fontes da agência "Kyodo" afirmam que o primeiro-ministro do Japão cogita a hipótese de pedir que o ex-ministro de Assuntos Exteriores Taro Aso assuma a liderança do PLD.

Se Fukuda reformar mesmo seu gabinete, convocará o Governo para que os ministros apresentem uma renúncia coletiva. Só depois ele nomeará um novo líder para o PLD e anunciará os novos ocupantes das pastas.

A agência "Kyodo" presume que Fukuda manterá em seu posto o ministro porta-voz, Nobutaka Machimura, apesar dos rumores que indicam o contrário.

Dos atuais 18 ministros do Executivo japonês, 15 foram nomeados por Abe, razão pela qual há uma certa expectativa de que as mudanças no Governo refletirão melhor a posição política de Fukuda. EFE fab/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG