Premiê determina a chefe do Exército que coloque ordem em Bangcoc

Bangcoc, 16 abr (EFE).- O primeiro-ministro da Tailândia, Abhisit Vejjajiva, anunciou hoje que o chefe do Exército, general Anupong Paochinda, assumiu o comando das operações para restabelecer a ordem em Bangcoc, função que até agora era exercida pelo vice-primeiro-ministro Suthep Thaugsuban.

EFE |

Vejjajiva fez o anúncio pouco depois que o porta-voz do Exército, Sunsern Kaewkumnerd, confirmasse que as forças de segurança preparavam outra operação para despejar os cerca de 10 mil manifestantes que há uma semana permanecem no coração comercial da capital.

"Ele (Paochinda) vai ser o responsável por supervisionar a segurança", disse o primeiro-ministro em mensagem pela televisão.

Desde que assumiu o poder no ano passado, o primeiro-ministro e líder do Partido Democrata, principal formação da coalizão governante, enfrenta resistências na cúpula da Polícia, que inclusive impediram a nomeação de seu principal responsável.

O Governo da Tailândia sofreu hoje outra derrota para os manifestantes conhecidos por "camisas vermelhas" ao fracassar a operação das forças de segurança para capturar os dirigentes dos protestos que sumiram a Bangcoc no caos.

Em uma semana, os confrontos entre Governo e manifestantes já causaram 24 mortes e deixaram mais de 800 feridos. EFE tai/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG