Premiê de Montenegro diz que prisão de Karadzic é bom passo para a região

Podgórica, 22 jul (EFE).- O primeiro-ministro de Montenegro, Milo Djukanovic, disse hoje que a detenção de Radovan Karadzic é um passo significativo para o estabelecimento da responsabilidade em supostos crimes de guerra e, com isso, para a recuperação da confiança danificada.

EFE |

Após dizer à imprensa em Podgórica que "é muito bom" para a Sérvia e a região, afirmou que a detenção de Karadzic também representa "uma mensagem convincente a nossos sócios europeus de que o Governo de Belgrado está disposto a cooperar com o Tribunal Penal Internacional para a Antiga Iugoslávia (TPII)".

Djukanovic disse que é importante que a captura de Karadzic, nascido em Montenegro, tenha acontecido pouco depois da formação do novo Governo na Sérvia, em 7 de julho.

"Para todos nós na região, é de grande importância que a Sérvia vá com plenas capacidades" para a União Européia. EFE Dp/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG